Breaking

Como Emagrecer com Receitas Low Carb



Olá galera, ultimamente eu tenho recebido com muita frequência  contatos de pessoas pedindo dicas de cardápio low carb com café da manhã, almoço e jantar e sobremesas light para nosso dia a dia.

Eu entendo: estamos acostumados com aqueles cardápios padronizados de revistas sobre emagrecimento ou aqueles que nossos nutricionistas passam, sempre contendo a mesma coisa …

Antes de começar, um conceito que parece óbvio, mas precisa ser esclarecido.

Mas o que é dieta?


Consultando o dicionário, encontrei dois significados para a palavra:
  • Significado 1: regime alimentar prescrito pelo médico a um doente ou a um convalescente.
  • Significado 2: cota habitual de alimentos sólidos e líquidos que uma pessoa ingere.
Bom, eu creio que para nossa realidade nos encaixamos no Significado 2 nééh ? hahaha

Sendo assim a  dieta não é uma maneira de comer durante duas semanas, ou 1 mês, ou 7 dias. Dieta é o que se come, no dia a dia, para a vida toda.

A muito tempo atrás eu tinha um pensamento que dieta era aquela listinha de alimentos que eu poderia ingerir e nas quantidades especificadas, mas ao longo desses anos a vida me ensinou que vai muito além disso …

Enfim, vamos ao que interessa !!

O que é uma dieta low carb?


É um estilo de se alimentar, onde se restringe (mas não anula) o consumo de carboidratos para chegar ao peso desejado e mantê-lo sem passar fome como na abordagem de restrição de calorias.
Existem vários tipos de dietas que são low carb: dieta paleo, dieta cetogênica, dieta lchf, dieta atkins, whole 30 etc… Todas funcionam pelo mesmo motivo: menos carboidratos na alimentação.

E o que são carboidratos?

Carboidratos são açúcares. Antes de conhecer low carb, eu achava que carboidratos eram o pão, os doces, o macarrão, a batata e o arroz.
Mas frutas, verduras e até os ovos contém alguma quantidade de carboidrato. Alface tem carboidrato. Pouquíssimo, mas tem.

Vale lembar e deixar bem claro que a dieta low carb NÃO é uma dieta zero carboidrato.

Em low carb há espaço para frutas e vegetais, que são ricos em carboidratos saudáveis. A quantidade de carboidratos para cada pessoa vai depender dos seus objetivos.

Bom agora que você já sabe o que é uma alimentação Low Carb, vamos a algumas dicas sensacionais que separei, exclusivamente para vocês …

Dicas Para uma Alimentação Low Carb


1. Priorize alimentos naturais, sem processamento, com poucos carboidratos

Isso quer dizer comer APENAS comida in natura? Não.

Dá para emagrecer com low carb bebendo refrigerante zero, adoçando o café com adoçante, dá para fazer comendo presunto comprado no supermercado, dá para fazer matando a vontade de doces com gelatina sem açúcar.
Mas os alimentos processados não devem ser A BASE da sua alimentação.

A base da sua alimentação serão os vegetais, as carnes, as gorduras naturais como a manteiga e o azeite, os ovos, os queijos, as frutas low carb e as castanhas e nozes. Tem acesso e orçamento para comprar alimentos orgânicos? Ótimo. Se não tem, funciona do mesmo jeito.

2. Personalize


Antes de decidir quais alimentos vão estar no seu cardápio low carb, você precisa responder algumas perguntas:
  • Quanto peso você quer perder? Com base nisso você definirá uma quantidade máxima de carboidratos que você pode comer por dia. Algumas pessoas poderão comer mais, outras menos.
  • Você tem alguma restrição alimentar? Algumas pessoas não toleram lactose, outras tem alergia a nozes e castanhas. O cardápio deve considerar essas restrições.
3. Entenda quais alimentos devem ser evitados

Tão importante quanto saber quais alimentos são recomendados, é saber quais devem ser evitados e também os que devem sumir de vez da sua vida.
NÃO COMER:

Açúcar refinado ou outros tipos como demerara, mascavo, de coco, orgânico, mel, melado etc.

Óleos refinados (soja, canola, milho etc). Eles são zero carbo sim, mas passam por mil processos químicos durante o seu processamento. Em uma dieta baseada em comida de verdade você deve preparar seus alimentos com gorduras naturais com baixo grau de processamento, como a manteiga, a banha e o azeite de oliva, por exemplo. Eu uso azeite e manteiga para tudo.

Grãos, especialmente o trigo. Pães, massas, bolos, biscoitos, rosquinhas, cuecas-viradas, muffins, cookies, cupcakes, baguetes, pizzas, bagels, brioches. Bem, você entendeu.

EVITAR:


Bebidas zero ou light. Também são zero carbo e dá para emagrecer consumindo refrigerante zero, mas dentro da ideia de priorizar comida de verdade (e ainda gerar menos lixo no planeta), evite sempre que puder.

Comidas processadas. Tem alimentos processados low carb, alguns deles são boas opções para quem tem pouco tempo para cozinhar, como pessoas que trabalham o dia todo e ainda estudam à noite.
Um polenguinho é um bom exemplo: processadíssimo, mas low carb. Se carregar polenguinhos no início vai fazer você não sucumbir a uma coxinha na rua, leve polenguinhos! Mas quando puder, evite.

Vegetais ricos em amido. Quem tem muito peso a perder deve evitar alimentos que são comida de verdade mas também são ricos em amido, como a batata, batata doce, inhame e mandioca (inclusive tapioca!). Uma dica: evite tudo que cresce debaixo da terra.


Quando chegar no seu peso alvo ou próximo dele, comece a inserir novamente esses alimentos.

4. Pesquise receitas
Se você está começando, provavelmente está acostumado a fazer receitas com algum carboidrato, como uma pizza, um macarrão, um risoto, lasanha.

Ou está acostumado a servir antes de tudo o arroz e o feijão no restaurante de comida por quilo.

Como low carb é diferente de tudo o que escutamos a vida toda sobre emagrecimento, é preciso abrir a cabeça para novas formas de preparar os alimentos. Pesquise receitas e salve as que mais gostar.

Em breve aqui no nosso Blog postarei mais conteúdos sobre Low Carb, porém a continuidade dos conteúdos dependerá do feedback de vocês, se estão gostando do material Curte e Compartilha no Face com a galera …

5. O que beber

Água, água com gás e fatias de limão, água saborizada com hortelã, chá de ervas frio ou quente, café batido com nata ou creme de leite, chá mate ou chimarrão são boas opções para acompanhar seu cardápio low carb.

Refrigerantes zero, light, chás ou águas saborizadas industrializadas devem ser evitadas por serem industrializadas, gerarem lixo à beça e elevarem seu consumo de adoçante, mas são zero carbo.

Sucos de fruta não são uma boa ideia. EM BREVE FAREI UM POST SOBRE ISSO !!

Agora Eu Quero Falar do Seu Ponto Fraco

Na verdade, como eu seu que esse é seu ponto fraco ?? Bom , é bem simples todas as pessoas que fazem algum tipo de dieta ou reeducação alimentar gosta de um docinho hahahahahaha

Ao longo desses anos que venho lutando contra o emagrecimento sempre sofri com a vontade de comer um doce ou uma sobremesa ao final de cada refeição.

Porém um dia navegando na Internet eu encontrei um conteúdo que me deixou Intrigada …  Era um material completo sobre Sobremesas Low Carb onde continha receitas, dicas, cardápios, tudo o que voce pode imaginar relacionados a doces de baixas calorias e ADIVINHA ???

Hahahah, na hora deu água na boca e eu como uma boa CHOCOLATRA, resolvi encarar e ver se realmente era verdade aquilo …

E por incrível que parece, foi uma das melhores coisas que eu fiz, porque VENCI minha vontade de comer doces com aquelas receitas MARAVILHOSAS e mantive minha dieta 100% . Graças a isso eu tive forças em continuar minha reeducação alimentar sem abrir mão das sobremesas e doces que sempre AMEI 

Bom,  vou deixar o link aqui para quem quiser adiquirir o ebook 147 Receitas Low carb para Quem quer Emagrecer, quem quiser conhecer esse material cliqueaqui



Nenhum comentário:

Postar um comentário